segunda-feira, 1 de outubro de 2018

0

Dark Dimensions Folk Festival II divulga programação oficial

Banda russa Arkona está na estrada divulgando o novo álbum “Life is Good”. 
Segunda edição do evento promete atrair novamente fãs das culturas folk e viking a São Paulo - divulgação

Já começou a contagem regressiva para a segunda edição consecutiva do Dark Dimensions Folk Festival! A organização do evento revelou recentemente os tão aguardados horários das atrações que vão se apresentar, no próximo dia 20 de outubro, no Espaço 555, em São Paulo. Serão mais de sete horas ininterruptas com grandes representantes do folk/viking metal na atualidade no Brasil e no exterior. 

O evento vai promover o encontro histórico dos renomados Arkona (Rússia) e Týr (Ilhas Faroé), traz também a sensação Hugin Munin (Santos), a revelação Arandu Arakuaa (Brasilia) e os novato do Burning Christmas (São Paulo). Também haverá as tradicionais lutas e venda de artigos medievais.

Veja abaixo a ordem das exibições e horários do Dark Dimensions Folk Festival II:


Apesar da grande procura, ainda há ingressos à venda pelo site da Ticket Brasil (https://ticketbrasil.com.br/festival/6313-folkfestivalii-saopaulo-sp) e pontos autorizados em São Paulo, Osasco, Barueri, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo, Santo André, Jundiaí, Campinas, Sorocaba, Mauá, Sorocaba e Santos (https://ticketbrasil.com.br/festival/6313-folkfestivalii-saopaulo-sp/pontos-de-venda). 

Após importantes participar dos grandes festivais da Europa, o Arkona, um dos grupos mais renomados do folk metal mundial, finalmente está de volta ao Brasil. Masha "Scream" (vocal), Sergei "Lazar" (guitarra), Ruslan "Kniaz" (baixo), Andrey Ischenko (baterista) e Vladimir "Volk" (wind ethnic instruments) trazem a turnê promocional do recém-lançado álbum “Khram”.

Formada em Moscou, o Arkona representa uma sonoridade peculiar com grande influência do folclore russo, da mitologia eslava em suas letras e sua música incorpora instrumentação tradicional. Todas as composições da banda são cantadas e batizadas em russo, sendo seus álbuns também nomeados nesta língua e com todas as escritas em alfabeto cirílico.

Já o Týr, um dos principais nomes do folk/viking Metal Mundial, retorna pronto para conquistar uma nova legião de fãs no País. O grupo liderado por Heri Joensen (vocal/guitarra) e  Gunnar H. Thomsen (baixo) segue na estrada promovendo o elogiado álbum “Valkyrja” (2013 – Metal Blade). 

Mesmo com a saída de Terji Skibenæs (guitarra) e Amon Ellingsgaard (bateria), e a convocação imediata dos exímios Attila Vörös (Satyricon/Nevermore/Warrel Dane) e Waltteri Väyrynen (Paradise Lost/Vallenfyre), segundo informações, existe a possibilidade de lançarem um novo disco ainda neste ano.

O Týr tem como principal característica unir mitologia, música folk e o heavy metal. Nos últimos anos, a banda tem tocado nos mais importantes festivais da Europa e, Rob Halford, vocalista da lendária banda Judas Priest, em entrevista, declarou que o Týr fez parte da sua playlist.

Fonte: The Ultimate Music


Nenhum comentário:

Postar um comentário