terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

0

MAESTRICK: Renato Montanha é destaque de capa na nova edição da revista Bass Player

Foto de: Sarina Lopes 
Falta pouco para o grupo de rock/metal progressivo Maestrick finalizar as gravações de seu novo disco de estúdio, "Espresso Della Vita: Solare". 
O novo trabalho será sucessor do aclamado álbum de estreia, "Unpuzzle!", e do EP "The Trick Side Of Some Songs" que o grupo lançou recentemente reunindo versões para clássicos dos Beatles, Yes, Jethro Tull, Pink Floyd, Queen e Rainbow.

E foi para adiantar um pouco mais sobre o novo álbum que o baixista Renato Montanha, em meio às gravações, foi convidado para ser entrevistado pela Bass Player Brasil, a mais importante revista voltada para o contrabaixo no mundo.  
E se não bastasse estampar as páginas de tão respeitada publicação, a matéria foi destaque na capa da edição de Fevereiro, que traz o baixista Paulo Xisto do Sepultura como matéria principal.

Com o título "Emergindo com o Maestrick", a entrevista destacou a ascensão do Maestrick nos últimos anos, assim como toda a experiência que Montanha acumulou trabalhando com o grupo durante esse tempo, seja como compositor, em estúdio, ou tocando ao vivo pelo Brasil e exterior. A publicação ainda destaca o espírito estudioso de um baixista de rock progressivo que nunca para de evoluir: "Sempre teremos algo novo para testar e aprender, e todo aprendizado é válido e deve ser explorado", foi uma das respostas dadas por Montanha que acabou ganhando destaque na capa da publicação.

Interessados em adquirir a Edição 64 (Fevereiro 2017) da Bass Player podem acessar o site da revista:  

Entre outras novidades, todas as guitarras do já citado próximo álbum de estúdio do Maestrick, "Espresso Della Vita: Solare", estão sendo gravadas pelo produtor da banda, o renomado Adair Daufembach (Project46, John Wayne, Hangar).
"Quando fiz a primeira reunião com a banda eu ainda estava em estado de choque. 'Cara, não acredito que vou gravar isso', pensei. Ai, se não bastasse, quando eles me disseram que estavam sem guitarrista, eu me ofereci para gravá-las. Eu geralmente faço isso para ajudar as bandas, mas no caso deles foi diferente. O Maestrick tem muito a ver com o que eu, pessoalmente, gosto na música. O Maestrick seria uma banda que eu facilmente faria parte. Eles não fazem música para se mostrar. São músicos de altíssimo nível, o que é essencial para quem quer tocar o tipo de música que fazem, mas a técnica presente na musicalidade da banda é decorrente da habilidade natural dos músicos. O intuito deles é unicamente fazer música boa, com um motivo e conteúdo. Eu estou super, hiper empolgado e digo isso da forma mais sincera possível", declarou o produtor que agora prepara-se para o processo final de mixagem e masterização do álbum.

"Espresso Della Vita: Solare" será lançado ainda no primeiro semestre de 2017. Informações sobre participações especiais, capa e tracklist serão divulgados nas próximas semanas.

Mais Informações:

Som do Darma 


Nenhum comentário:

Postar um comentário